Certa vez perguntaram o que eu achava da vida. Uma pergunta simples, mas de muita reflexão... A vida é algo que começamos a construir desde que nascemos, considero como uma construção de uma grande casa, e como toda obra precisamos ter bons construtores, um bom engenheiro, um bom mestre de obras e bons pedreiros para executarem tal tarefa. Essa obra tem três fases: a fundação, a estrutura e o acabamento. 

A primeira fase da construção, começamos com o alicerce: o concreto, os ferros a areia e tudo que for necessário para tornar a base forte e duradoura e que suporte uma vida inteira. Essa primeira fase comparo com nossos princípios, nossos ensinamentos e nossa educação.

Na segunda fase da construção, é preciso muitos tijolos, areia e cimento para que suas paredes não caiam com facilidade, permaneçam firmes mesmo quando vierem o mau tempo, as tempestades e os fortes ventos. Considero essa fase como a nossa formação espiritual, nossas convicções e nossa dependência de um ser supremo e que está nos protegendo a todo o tempo; DEUS.

 A terceira fase da construção, o acabamento,  é a mais valiosa – saber posicionar  e combinar deixando tudo no seu devido lugar,  com um visual harmonioso e funcional, prático e bem elaborado. Considero essa a melhor fase, em  que já se sabe o real sentido da vida, dar valor ao que realmente importa: a família, o amor e o carinho de quem está perto de nós, e principalmente amar a Deus que é o grande engenheiro dessa grandiosa obra; a vida. Então, minha resposta final é: A vida é maravilhosa! 

 

 

Ame a vida!

Temos 4 visitantes e Nenhum membro online